A Águia de Lagash

Classificar Artigo

Classificar Artigo  Alguns símbolos adquiriram tal vigor que até o não iniciado sabe que o mesmo se refere à Maçonaria. O esquadro e o compasso são disso mesmo um bom exemplo: pessoas com um pouco de cultura os reconhecem como símbolo da maçonaria. Não sabem é, e só o iniciado …

A MAÇONARIA ADORMECIDA: BREVES INDAGAÇÕES

Classificar Artigo

Classificar Artigo Muito intrigou-me o trabalho apresentado no tempo de estudo na Loja no dia 2 de outubro de 2013. Tal trabalho foi apresentado pelo I.: Silvio e em parca síntese tratava ele a evolução da humanidade, reconhecendo-nos como se fossemos “astronautas” em uma grande nave espacial chamada planeta terra. …

Lendas e Tradições

Classificar Artigo

Classificar ArtigoI – SIMBOLISMO DOS MISTÉRIOS“No final do séc. XVII e pricípio do séc. XIX, muitos europeus, incluido Maçons, encaminharam-se para o Médio-Oriente, onde encontraram relíquias das culturas ancestrais que haviam praticado os Antigos Mistérios. Os Maçons de espírito filosófico reconheceram nelas semelhanças entre a sua Ordem e estas tradições …

MORAL E DOGMA DO RITO ESCOCÊS ANTIGO E ACEITO – PARTE 3

Classificar Artigo

Classificar Artigo MORALS AND DOGMA PARTE III O presente trabalho trata-se da tradução do Capítulo Primeiro (Ou seja, do Grau de Aprendiz) da obra máxima de Albert Pike, “Morals and Dogma of the Anciente and Accepted Scottish Rite of Freemasonry”, traduzido e anotado por Mohamad Ghaleb Birani (M.’.M.’.). Clique aqui …

A Maçonaria em Portugal

Classificar Artigo

Classificar ArtigoA introdução da Maçonaria em Portugal remonta ao segundo quartel do século XVIII:. Talvez por 1727, foi fundada por comerciantes britânicos estantes em Lisboa uma loja que ficou conhecida nos registos da Inquisição como dos “Hereges Mercadores”, por serem protestantes quase todos os seus membros:. Esta loja veio a …

MORAL E DOGMA DO RITO ESCOCÊS ANTIGO E ACEITO – PARTE 2

Classificar Artigo

Classificar Artigo MORALS AND DOGMA PARTE II DE III O presente trabalho trata-se da tradução do Capítulo Primeiro (Ou seja, do Grau de Aprendiz) da obra máxima de Albert Pike, “Morals and Dogma of the Anciente and Accepted Scottish Rite of Freemasonry”, traduzido e anotado por Mohamad Ghaleb Birani (M.’.M.’.). …

Os Landmarks Maçónicos

Classificar Artigo

Classificar ArtigoSOBRE A REGULARIDADE MAÇÓNICA “Os maçons regulares, também ditos tradicionais ou de via sagrada, são aqueles que trabalham nas suas Lojas sob invocação de Deus, Grande Arquitecto do Universo, sobre o livro sagrado, o esquadro e o compasso. Quanto aos outros, ditos maçons irregulares, ou liberais, ou de via substituída, …

MORAL E DOGMA DO RITO ESCOCÊS ANTIGO E ACEITO – PARTE 1

Classificar Artigo

Classificar Artigo MORALS AND DOGMA Morals and Dogma of the Ancient and Accepted Scottish Rite of Freemasonry, prepared for the Supreme Council of the Thirty Third Degree for the Southern Jurisdiction of the United States: Charleston, 1871.[1] – Albert Pike O presente trabalho trata-se da tradução do Capítulo Primeiro (Ou …

Rito Escocês – Graus do R.E.A.A.

Classificar Artigo

Classificar ArtigoGRAU 1 – Aprendiz Avental de pele branca com a abeta (ou babadouro) levantada. Simbolicamente, o aprendiz é representado em mangas de camisa e com esta aberta no peito, numa alusão ao seu traje durante as provas de iniciação, em que se deve apresentar com peito nu, o joelho …

A INCLUSÃO MAÇÔNICA NO MUNDO

Classificar Artigo

Classificar Artigo Em diversas jurisdições maçônicas ao redor do mundo, a lista de 25 Landmarks de Albert G. Mackey é respeitada como algo intocável, afinal, sua vigésima quinta regra assim determina, que os outros 24 Landmarks são imutáveis. O décimo oitavo traz em sua redação o impedimento de mulheres, escravos …

O GRANDE ARQUITETO DO UNIVERSO E A PARTÍCULA DIVINA

Classificar Artigo

Classificar Artigo GRANDE ARQUITETO DO UNIVERSO O Grande Arquiteto do Universo, etimologicamente se refere ao principal Criador de tudo que existe, principalmente do mundo material (demiurgo) independente de uma crença ou religião específica. CONCEITO CRISTÃO O conceito de Deus como o Grande Arquiteto do Universo tem sido empregado muitas vezes …

A BÍBLIA MAÇÔNICA DO REI JAMES I – PARTE 2

Classificar Artigo

Classificar Artigo PARTE 2 DE 2 CLIQUE AQUI PARA LER A PARTE 1 CASAMENTO ESPANHOL Outro fonte em potencial de renda era a perspectiva de um dote espanhol com um casamento entre Carlos, Príncipe de Gales, e a infanta Maria Ana de Espanha. A política do Casamento Espanhol, como foi …

A BÍBLIA MAÇÔNICA DO REI JAMES I – PARTE 1

Classificar Artigo

Classificar Artigo PARTE 1 DE 2 Jaime VI & I (Edimburgo, 19 de junho de 1566 – Cheshunt, 27 de março de 1625) foi o Rei da Escócia como Jaime VI e Rei da Inglaterra e Irlanda pela União das Coroas como Jaime I. Ele reinou na Escócia desde 1567 …

A PEDAGOGIA LIBERTÁRIA E OS MAÇONS

Classificar Artigo

Classificar Artigo A Educação Anarquista ou Pedagogia Libertária inscreve-se no contexto das teorias modernas da educação. Neste sentido, possui uma fundamentação filosófica e política que lhe é própria, embora esta fundamentação esteja relacionada com outras teorias e práticas pedagógicas que lhe são contemporâneas. É necessário, portanto, saber distingui-la de outras …

O INEXATO TERMO ” EXALTAÇÃO” PARA O GRAU DE MM

Classificar Artigo

Classificar Artigo Inicio o presente traçado lembrando-vos que geralmente é conveniente “rejeitar dez verdades como sendo mentiras, do que aceitar uma única mentira como sendo verdade.” Antes de dissecarmos sobre o tema acima proposto, recorro aos traçados do século XVII, através da pena do filósofo La Rochefoucauld, plenamente adequados ao …